Datas comemorativas: 6 erros para não cometer na sua loja virtual

Datas comemorativas: 6 erros para não cometer na sua loja virtual

Datas comemorativas: 6 erros para não cometer na sua loja virtual

Quem tem um comércio, virtual ou físico, sabe da importância das datas comemorativas para o varejo. Em alguns casos é possível observar um aumento percentual expressivo em vendas, isso porque as datas são consideradas um dos principais gatilhos para vender e comprar. Entretanto, algumas datas são muito próximas e nem sempre as lojas conseguem o aumento das vendas de forma rápida e fácil. Isso acontece porque os varejistas devem se preparar melhor para tirar o máximo de proveito desses momentos. Nesse post, listamos os 6 Erros que os varejistas cometem e que devem ser evitados. Confira:

1 – Não montar um calendário de campanhas

Todos os anos temos as datas comemorativas, isso é algo que você já sabe. Algumas delas sofrem alterações no calendário, por isso é necessário que no início de cada ano você mapeie todas as datas e campanhas que terá no ano. Assim, você consegue definir marcos de início de planejamento, execução e final de cada campanha. Deixando claro como vai ser o seu trabalho nas ações e também evitando que as campanhas de algumas datas entrem em conflito ou que você se esqueça de alguma. Pegue aí o seu calendário, veja quais são as datas que fazem sentido para a sua loja virtual e determine uma data de planejamento, execução e final das campanhas. Não deixe para depois.

2 – Deixar para planejar em cima da hora

Planejar conteúdo para uma campanha não é uma tarefa tão simples como parece. Exige tempo, criatividade e acima de tudo: muita organização. Deixar tudo para ser feito nas últimas horas aumenta o risco de falhas, insatisfação dos clientes e pode gerar mais gastos. Na maioria dos casos o planejamento começa meses antes da data. Com ele vem todas as funções e profissionais envolvidos, tudo descrito com muita clareza e detalhando etapa por etapa.

Quando falamos planejamento estamos incluindo toda a sua campanha para a data: divulgação nas redes sociais, divulgação off-line, verificação de dados e informações da loja virtual, revisão de estoque e projeção de descontos. Nenhuma etapa pode ser deixada de lado.

3 – Não sair dos clichês

É fato que as lojas que conseguem maior destaque e vendas nas datas comemorativas são aquelas que propõem campanhas inovadoras, com mensagens afetivas e com muita identidade. Entretanto, muitos varejistas ainda apostam nos velhos clichês e isso não é nada bom. Isso acontece muitas vezes pelo medo do posicionamento, mas lembre-se: hoje as pessoas querem comprar de marcas com propósito. Pense algo diferente do que você viu nos últimos anos! Aqui é importante avaliar o posicionamento da sua marca, para que a campanha tenha tudo a ver com a imagem que a sua loja virtual vem construindo. Não sabe o que fazer? Pergunte às pessoas próximas a você o que elas gostariam de ver em uma campanha de determinada data, isso pode te trazer vários insights.

4 – Desconhecer o público-alvo

É muito importante saber com quem você fala desde o primeiro dia da divulgação da sua loja virtual e nas datas comemorativas isso se intensifica mais. Por exemplo, para a campanha do dia das mães você precisa se comunicar com as mães para parabenizá-las, mas quem compra na verdade são os filhos. E isso precisa ser muito bem definido: o que vai ser uma ação para venda e o que vai ser para valorização da data. Em alguns casos você pode fazer os dois em um só, mas é necessário pensar muito bem antes de veicular qualquer mensagem.

Outra dica é você olhar para as suas personas atuais e tentar adaptá-las nas estratégias das datas. E caso não tenha, crie personas para a sua campanha da data em execução, assim, você pode diminuir as chances de se comunicar errado.

5 – Esquecer de lançar avisos prévios sobre as datas

As pessoas que visitam a sua loja podem (e devem) saber que uma campanha especial está se aproximando. Isso ajudará a garantir o retorno delas quando a campanha estiver ativa. Esse aviso prévio pode ser feito de diversas formas, e-mail, banners no site, mensagens e postagens nas redes sociais. Tenha sempre em mente que o mistério acerca do que está por vir gera muitos gatilhos de curiosidade que vão fazer seus clientes ficarem ansiosos pelas oportunidades próximas, no caso dos descontos por exemplo. Alguns marketplaces como Americanas e Magazine Luiza fazem isso muito bem, vale acompanhar!

6 – Não utilizar essas datas para fortalecer o relacionamento

É muito importante pensar além da venda: como a campanha da data em questão te ajudará a fidelizar seus clientes? Pensar desde o atendimento mais personalizado até o tom da mensagem que está sendo veiculada, tudo importa nesse momento. Ter uma campanha que fortalece a sua marca e consequentemente gera mais vendas é a certeza de um bom posicionamento no mercado. Assim, as pessoas realmente estão vendo valor na sua marca. Alcançando esse marco, se planeje para uma próxima data nos mesmos padrões e não perderá a visibilidade das pessoas.

Não há dúvidas que as datas comemorativas têm um potencial incrível para as lojas virtuais, desde que o lojista se preocupe e as valorize. Por isso, esperamos que você tenha anotado todas essas dicas e já comece a praticar agora: pegue o seu calendário e veja todos os recursos que você tem para planejar a campanha da próxima data. E se surgir aquela dúvida sobre como gerenciar o conteúdo nas redes sociais, você pode consultar dicas sobre esse assunto: acesse agora o nosso artigo sobre tema.

Compartilhar