Como produzir boas fotos e vídeos para um e-commerce

Como produzir boas fotos e vídeos para um e-commerce

Como produzir boas fotos e vídeos para um e-commerce

A imagem é a primeira coisa que o usuário vê em uma página de produto. Sejam fotos ou vídeos. Não há dúvidas de que ela faz muita diferença para a tomada de decisão na hora da compra. Se na loja física o vendedor mostra o melhor do produto falando, na loja virtual as imagens assumem esse papel de destacar e descrever o produto para o seu cliente.

Nem todos os lojistas dão a devida importância para as imagens e vídeos dos produtos e procuram outros fatores para justificar a falta de vendas, quando na verdade é muito mais fácil de solucionar do que ele imagina. Neste artigo vamos te mostrar como as fotos e vídeos são importantes e como você pode fazer ótimas imagens para apresentar o seu produto.

Uma imagem vale mais que mil palavras

No mercado virtual esse ditado é um fato. Nas lojas físicas quem vende melhor, sai na frente. As estratégias utilizadas na experiência física e nas ações dos vendedores, são o que aumentam o poder de conversão de uma loja. Você mesmo já deve ter comprado algo que não precisava pelo simples fato de um vendedor ter mostrado muito bem como aquele produto era uma solução.

A realidade do e-commerce é bem diferente do ambiente físico. No comércio eletrônico, não há vendedores para explicar os detalhes do produto. Então, o principal desafio do varejo online é conquistar o consumidor com uma página de produto completa e que tire todas as suas dúvidas. E é aqui o reforço de que a imagem vale mais que mil palavras, não adianta falar que algo é bonito e usual, é necessário mostrar isso.

O consumidor está cada vez mais exigente

Segundo o Google, 62% das pessoas esperam que as marcas ofereçam uma experiência consistente quando forem interagir com ela e apenas 42% das marcas oferecem uma experiência agradável.

Imagens de baixa qualidade, desatualizadas e vídeos sem boa descrição, afetam a percepção e interesse dos usuários pela sua loja online. E o pior, eles acabam procurando outros sites com melhor experiência de compra e podem encontrar seus concorrentes. E dependendo do tipo de produto, podem até procurar uma loja física para saber mais sobre o produto e acabarem efetuando a compra. Isso é recorrente no segmento de moda e móveis.

Lauren Freedman, presidente da The E-tailing Group, disse que a informação do produto deve começar com imagens como parte da experiência de compra online. Além disso, ele apresentou um estudo que mostra que 75% dos usuários considera imagens de qualidade como um fator decisivo no momento da compra.

E tem mais! Um teste A/B realizado pela Optimizer apontou que imagens de qualidade aumentam a conversão de vendas em 9%.

As descrições em vídeo são tendência para os próximos anos

Em alguns casos só as fotos não conseguem descrever os produtos, e aí os vídeos assumem esse papel. O vídeo funciona para descrever de forma mais abrangente, mostrar as dimensões reais, como é utilizado e até mesmo os benefícios no dia a dia. Isso porque a dinâmica e o roteiro do vídeo ficam a cargo do lojista. Cabe a ele vender seu produto da melhor forma.

Os vídeos geralmente são utilizados no segmento da moda, onde é necessário avaliar o caimento das peças ou então no segmento dos eletrônicos, onde profissionais fazem teste dos produtos. Mas atualmente, o ideal é que a sua loja, independentemente do segmento, sempre tenha vídeos sobre o seu produto. Os vídeos fortalecem tudo aquilo que você coloca na descrição e nas imagens, passando mais segurança sobre a qualidade do produto, além de transmitir informações que são impossíveis ou muito complicadas de se fazer com fotos.

Não utilize flash

O ideal é que você utilize a iluminação natural para fazer suas fotos, ou seja a luz do sol. Em caso de ambientes escuros, procure utilizar lâmpadas artificiais para uniformizar a iluminação, mas jamais utilize o flash. O flash acaba projetando luz em um ponto específico do produto e criando sombras, o que deixa a imagem ou o vídeo com aparência amadora.

Preocupe-se com o enquadramento

Um enquadramento feito de maneira errada, pode deturpar as proporções do seu produto de maneira negativa. Sempre quando for gravar vídeos, tome cuidado com a maneira como você segura seu produto para evitar má interpretação. Para as fotos preocupe-se com que a superfície fique retilínea e que o produto fique centralizado, mostrando seu tamanho real na proporção da foto. Para evitar erros, você pode usar a grade de enquadramento que está presente nas câmeras profissionais e também nas câmeras dos celulares. Basta acessar as configurações para ativar, ela te ajudará a centralizar todas as informações da foto.

Quanto mais ângulos, melhor

O seu cliente necessita ver o seu produto em vários ângulos – e da melhor forma possível – para ter certeza se é aquele modelo específico que ele vai comprar. Se você não dá essa oportunidade, provavelmente ele comprará em outra loja virtual que proporcione. Nos vídeos compare o tamanho do seu produto com objetos do dia a dia, faça a utilização para mostrar funcionalidades e mostre as especificações mais importantes. No caso das fotos, tire foto do produto em pelo menos quatro posições, fotografe todas as cores disponíveis e se possível tire fotos da utilização, como no caso de alguns eletrônicos e roupas, por exemplo.

Tenha um bom fundo para trabalhar

Ter um fundo branco para destacar os seus produtos é essencial. Antes que você fale que é impossível: você pode criar um na sua casa usando duas cartolinas brancas e durex. Assim, você consegue capturar ótimas fotos e ainda facilita o processo caso queira remover o fundo. Uma iluminação uniforme, um fundo branco e uma boa câmera de celular é tudo o que você precisa para tirar ótimas fotos dos seus produtos.

No caso dos vídeos, em alguns momentos você pode necessitar de um fundo amplo e maior. Aí vale a criatividade: procure uma parede branca ou de cor uniforme na sua casa ou até mesmo algum cômodo que seja decorado de maneira bem simplista e que não atrapalhe visualmente o seu vídeo. O importante é que o foco fique em você e no seu produto.

Você precisa otimizar as suas imagens

Para que a sua loja virtual não tenha um carregamento lento e comprometa a experiência do usuário, depois de tirar as fotos e tratá-las, você precisa compactá-las. Isso significa que elas continuarão com uma boa qualidade, mas com um menor tamanho de arquivo. Existem diversos sites que fazem a compactação de imagens e nós te ensinamos como fazer esse processo nesse artigo aqui.

Os vídeos são colocados no youtube e incorporados via link na sua loja virtual, então não há problemas ou atraso no carregamento por causa deles.

As redes sociais são a vitrine das lojas virtuais

Se nas lojas físicas as pessoas caminhando pelas ruas olham a vitrine, no mundo virtual as redes sociais cumprem esse papel. É onde a sua loja virtual pode ser encontrada de maneira mais fácil. Por isso, é importante que você saiba utilizar as imagens do seu produto a seu favor. Com boas imagens você já tem quase tudo para ter uma boa vitrine, principalmente no instagram.

 

Agora que nós compartilhamos várias dicas para as fotografias de produto do seu e-commerce, chegou a hora de colocar em prática! Se você gostou do artigo ou sabe de alguém que gostaria de lê-lo, compartilhe! E se você tem interesse em saber um pouco mais sobre como melhorar a divulgação da sua loja virtual, acesse esse artigo aqui.

 

Compartilhar