Como escolher transportadora para loja virtual?

Como escolher transportadora para loja virtual?

A entrega é um dos pontos principais quando falamos sobre o funcionamento do e-commerce.  Ao fazer uma compra online os clientes não esperam só a praticidade de comprar sem sair de casa, eles querem saber o andamento de todas as etapas: da confirmação do pagamento à chegada do produto. Para conseguir atender a essas exigências, os lojistas precisam analisar minuciosamente e escolher uma transportadora para loja virtual que seja compatível com sua estratégia de mercado e que consiga entregar boas soluções logísticas.

Os desafios são diversos. Como o comércio eletrônico funciona com entregas fracionadas e uma grande busca pelos preços competitivos, estruturar o processo de entrega se torna complexo. Segundo a Pesquisa Nacional do Varejo Online, realizada em 2016 pelo Sebrae, a logística foi apontada como a segunda maior dificuldade na gestão de uma loja virtual.

Além disso, um dos fatores decisivos na hora da conversão é o custo de entrega. Quase 40% dos consumidores consideram o frete grátis como um motivo para finalizar uma compra, segundo a pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil). A relevância do preço do frete é tão alta que ele é o segundo fator de motivação de compra, perdendo apenas para o valor do produto com 60%.

Por outro lado, atender o desejo dos clientes pode ser um grande desafio. A pesquisa realizada pela ABComm em parceria com a ComSchool mostrou que o frete representa 58,1% dos gastos logísticos de uma loja virtual.

Por esses e outros fatores, a escolha da transportadora para loja virtual é essencial para o sucesso e sobrevivência do seu negócio online. Abaixo te explicamos melhor como isso pode ser feito, continue lendo!

 

Aumente a sua conversão!

 

Tipos de transportadora para loja virtual 

Para nos aprofundarmos no assunto, vamos começar com os tipos de transportadoras disponíveis e quais são as suas principais características.

Correios

Os Correios são o serviço mais usado no e-commerce brasileiro. Essa alta adesão se dá pelo alcance territorial (chega as regiões mais remotas do país), e a sua abrangência rodoviária e aérea. Além disso, existem diversas modalidades de frete na estatal como: SEDEX 10, SEDEX, PAC, PAC Mini, EMS etc.

Courier

Esse é um modelo de entrega rápida e que tem um valor acessível. Em uma análise geral, o Courier possui uma formatação mais ampla acerca dos volumes das encomendas, sendo mais abrangente que os Correios neste quesito. Existem diversas empresas que se encaixam nessa categoria, entre as mais famosas estão a Jadlog, Total Express e a Jamef.

Rodoviária

No Brasil a categoria que mais se destaca é a rodoviária: em maioria, as empresas que atendem dessa forma são mais flexíveis e baratas (desde que a loja já tenho um volume relevante de postagem). Com elas não há limite de quantidade ou de peso.  A Braspress e a TNT são exemplos de transportadoras para loja virtual que são rodoviárias.

Expressa

Sabe aquela entrega que precisa ser enviada rapidamente? O envio expresso é a opção. Entretanto, é o que tem o custo mais elevado por ter um prazo urgente. Normalmente ele é utilizado para encomendas perecíveis como alimentos, bebidas, flores e etc.

Assim como o SEDEX dos Correios, o frete expresso possui diferentes modalidades, que são:

Same day delivery: que é a entrega feita no mesmo dia;

Next day delivery: entrega realizada no dia seguinte;

Super express delivery: entrega concluída poucas horas após o pedido. Neste caso, há restrições de distância (o pedido e a entrega devem ser feitos na mesma cidade).

A ASAP Log e a Loggi são exemplos de transportadoras para loja virtual expressas.

Especializada

As transportadoras especializadas são usadas para enviar produtos específicos e que, muitas vezes, são frágeis. Medicamentos e veículos são bons exemplos nesse caso. Esse tipo de entrega necessita de equipes de transporte técnica e, só assim, é possível garantir a segurança das encomendas. Nesta categoria temos as transportadoras RTE Rodonaves e a TSV Trasportes como exemplo.

Internacional

O envio internacional possui muitas variações devido às leis de exportação: restrições de tamanho e dimensão, impostos e veto de alguns produtos. Por isso é muito importante avaliar com mais profundidade, caso a venda internacional seja uma opção. A FedEx, a DHL e o próprio Correios, com a opção EMS, são algumas das empresas que fazem envio para outros países.

Social delivery ou autônomos

Social delivery é uma nova tendência que funciona de forma colaborativa: entregadores autônomos, em seus carros de passeio, se disponibilizam a fazer entregas para terceiros e varejistas. Em expansão no território brasileiro, a Eu Entrego é um exemplo de transportadora social delivery.

Locker, pick up store e pick up point

Estas três opções não são tipos de transportadoras, mas alternativas de frete. O principal objetivo delas é reduzir os prazos e o custo logístico. Falando de forma simplificada, eles são os famosos ‘pontos de retirada’. Abaixo, você consegue entender as características específicas de cada um deles.

Locker: armário localizado em local público, que o cliente destrava com uma senha fornecida pelo lojista;

Pick up store: ‘pegue na loja’, acontece quando a loja virtual possui também uma loja física e disponibiliza para a retirada;

Pick up point: estabelecimento autorizado para que o cliente retire o seu produto, aqui são lojas físicas parceiras ou então estabelecimentos comerciais que podem fazer a retirada.

 

Como escolher uma transportadora para minha loja virtual?

Muitas lojas virtuais se apegam ao preço do frete para escolher uma transportadora e isso é um erro gravíssimo. Nem sempre a empresa com o melhor preço será a que vai atender as especificações do produto que o lojista vai despachar. É necessário analisar outros pontos:

Cobertura do atendimento

O grande diferencial do comércio eletrônico é conseguir vender produtos para todo o país e, em alguns casos, até mesmo exportá-los. Por esse motivo, é muito importante analisar quais as opções estão preparadas para entregar todas as mercadorias que vão ser oferecidas de acordo com às principais regiões onde estão a maioria dos clientes.

Muitas vezes é necessário diversificar a logística da loja virtual e é uma prática comum adotar mais de uma opção de transportadora.

Para isso, contar com uma plataforma de e-commerce que possibilite a integração com diferentes transportadoras pode auxiliar nesse processo.

Outro ponto fundamental é a identificação e análise da distância entre a sede da empresa de transporte e os estoques do seu negócio. Ter essa noção na hora da escolha pode reduzir consideravelmente os custos do frete e o prazo de entrega final.

Capacidade

Como a transportadora trabalha em épocas sazonais como Black Friday, Dia das Mães, etc? Como ela consegue suprir as necessidades dos seus contratantes em caso de grandes demandas?

Essas são algumas perguntas que devem ser feitas, principalmente, se o seu segmento tem datas específicas com aumento de demandas e se o Correio é a sua principal forma de entrega, pois em época de greve a transportadora será a sua única opção.

Contrato

Leia com atenção e verifique se existe cobrança de taxas adicionais e prazos diferentes para coleta e entrega de mercadorias. Veja também se há possibilidade de cobertura para serviços de entrega especializados, isso porque o seu negócio pode sofrer alguma alteração no modelo ou ter uma demanda nova.

E o mais importante: analise se a empresa oferece seguro para carga em caso de furto, roubo ou tragédias naturais. Quando existe esse tipo de seguro ou algum sistema de rastreamento e escolta, os seus prejuízos podem ser reduzidos.

Frota disponível

Entender qual o tipo de frota disponível também pode ser um fator decisivo na hora de escolher uma transportadora. Isso porque alguns produtos têm necessidades específicas, desde as dimensões até a forma como deve ser transportado. Por isso, é necessário olhar para todos os produtos que serão vendidos e se a empresa consegue despachar todos ou a maioria deles.

Busque referências

Mesmo que seja um setor com um público mais restrito, é muito importante buscar empresas que já utilizam do serviço para entender qual é a experiência, como é o atendimento e se os prazos são cumpridos.

Nesse segmento é difícil encontrar avaliações na internet ou em outros meios, por isso é muito importante procurar as informações com quem tem relação direta como contratante da transportadora.

Avalie os custos

Depois de analisar todos os pontos acima, finalmente é a hora de olhar para o preço. Sempre leve em conta que os custos de entrega não podem atrapalhar a sua competitividade de mercado e nem abalar a sustentabilidade financeira da sua loja virtual.

Pense também sobre as oportunidades de cada opção e se vale a pena pagar um pouco a mais para ter uma condição que incentive o seu cliente a comprar outras vezes, por exemplo. Lembre-se que nem sempre o mais barato é o melhor investimento, existem outros fatores a serem levados em conta!

Como já citamos acima, o frete é um dos principais fatores levados em conta.

Finalmente, é essencial analisar se os custos desse serviço não afetarão a competitividade dos preços do e-commerce e a sustentabilidade financeira da empresa.

Qual transportadora escolher?

Como já falamos, o frete é um fator decisivo na hora do cliente efetuar a compra. Dessa forma, não adianta escolher uma excelente opção, mas que nada vai ajudar nas vendas da sua loja virtual.

Por esse motivo, uma ótima solução é ter mais de uma opção no sistema de entrega. Assim, você passa a decisão para o cliente e ele poderá escolher o que é melhor: pagar menos ou receber o produto mais rápido. Não há dúvidas quanto a isso: quanto mais poder de escolha você dá ao seu cliente maiores são as chances de satisfação, uma vez que ele decidiu o que quer priorizar.

Ter uma plataforma de e-commerce integrada a diversas transportadoras é muito importante para facilitar a gestão dos seus pedidos e avaliar quais são as melhores opções na prática. Com a Oruc, além das integrações nativas com várias transportadoras, você tem também uma ferramenta exclusiva que permite a importação de tabelas de transportadoras através de planilha do Excel, ampliando ainda mais as suas opções para uma solução logística.

Vai criar uma loja virtual e não sabe por onde começar? Venha para a Oruc! Venda sem cobrança de taxas ou comissões e comece com 15 dias grátis!

 

Crie a sua loja e teste grátis por 15 dias

Compartilhar