Nome para loja virtual: saiba como criar

Nome para loja virtual: saiba como criar

Nome para loja virtual: saiba como criar

Um dos principais desafios na hora de criar uma loja virtual é encontrar um nome criativo para a sua marca. Isso porque não adianta colocar qualquer nome; ele precisa causar impacto, ter conexão com o seu tipo de negócio e um posicionamento para encaixar com o branding que a sua empresa quer construir.

Nesse artigo, trouxemos dicas para te ajudar na escolha do nome para sua loja virtual e todos os pontos que devem ser levados em conta na hora da decisão final.

Antes de tudo, você precisa entender que não existe certo ou errado. O melhor nome é o que realmente vai passar tudo aquilo que a sua marca necessita. Logicamente, existem caminhos e escolhas mais fáceis.

Existem grandes empresas com nomes que não tem nenhuma relação com o nicho que atuam. Por exemplo: C&A, Ponto Frio, HOPE e Submarino. Portanto, essas marcas investem alto em ações de marketing e o nome sem conexão com o segmento, nesse caso, é apenas um detalhe. Você tem a opção de escolher um nome completamente diferente do que as pessoas imaginam para o seu segmento, caso tenha milhões de reais sobrando para investir.  Se não for o seu caso, existe um grande desafio pela frente: a construção de marca da sua loja virtual precisa ser ágil e barata. E pode ter certeza, um nome criativo e segmentado vai te ajudar nisso.

Como ter um nome criativo para loja virtual?

Nem sempre é fácil escolher um nome que expresse tudo o que você precisa. Além disso, o nome da sua loja virtual precisa ser relevante. Para não errar nesse momento tão importante, preste atenção nessas dicas!

Nomes simples e curtos

O nome precisa ser fácil de pronunciar e memorizar! Quando pensamos em marcas como Google e Ebay, vemos que o nome foi super criativo e não estava presente no dicionário. Essa é uma opção inteligente, pois, o público não sabe do que se trata e vai procurar saber, isso ajuda na memorização. Note que é diferente do que citamos anteriormente, não é uma palavra que não tem relação com o nicho, é uma palavra nova!

Caso você não queira um nome tão disruptivo, pense em palavras que transmitam o que sua marca quer passar. Vale nomes compostos, vale colocar o seu nome. O importante aqui, além de ser curto, é a pronúncia. Tome bastante cuidado para não criar um nome que poderá ter interpretação dupla.

Pesquise bastante

Ter uma base de pesquisa para criar seu nome é importante, principalmente quando você está investindo em um ramo que não tem vivência, isso acontece. Pesquise as melhores marcas do segmento, veja como o nome é usado e como é feito o trabalho de construção da marca, anote tudo. Alguns padrões vão se repetir e você criará algo parecido ou completamente inovador. O mais importante aqui é: não copie. O nome da sua marca precisa ser único, essa pesquisa servirá como um norte para o seu brainstorming!

Você não precisa usar a Razão Social:

Primeiramente: uma coisa não tem nada a ver com a outra. A Razão Social muitas vezes é um nome extenso, que é utilizado para registrar a sua empresa frente a Junta Comercial. Você não precisa utilizar o mesmo nome que foi registrado. Sendo assim, o ideal é que você crie outro nome, conhecido como nome fantasia. Por ser mais curto, ele é que vai estar na frente da sua marca. Ele pode ser registrado com a Razão Social, caso você queira. Não é obrigatório.

O domínio e o usuário das redes sociais precisam estar disponíveis

Escolheu o nome? Vamos agora checar se ele pode ser usado em um endereço de web (www), caso não possa, procure por outro! Um canal de referência para pesquisa de domínios disponíveis é o www.registro.br.

Entretanto, não se esqueça das redes sociais: o ideal é que seu nome possa ser utilizado sem alteração. Caso não seja possível, só utilize ele com pontos (ex: seu.nome) ou com underline (seu_nome). Não duplique letras ou insira novas palavras, isso atrapalhará na pesquisa e identificação da marca.

Faça uma pesquisa prévia acerca do registro da marca no site do INPI

O INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial) é o órgão responsável pelo registro de marcas no Brasil. No site do Instituto, você consegue pesquisa e encontrar as marcas que já estão registradas ou em processo de registro. Caso alguém já tenha dado entrada no processo de registro da mesma, escolha uma outra opção. Esse procedimento serve para que você não tenha problemas futuros, principalmente relacionados à plágio. Para consultar o processo de registro de marcas, acesse clicando aqui.

 

Gostou das dicas? Não perca tempo. Comece agora a pesquisar o nome e comece a sua loja virtual na Oruc. Além da interface super intuitiva, seus produtos e informações serão cadastrados de forma bem fácil! Quer conferir?

 

Criar Loja Grátis

Compartilhar